Versão em Português English Version

Articulos & Filosofia – A fofoca só traz prejuízo para quem conta, para quem ouve e para a empresa.

Quando ela se espalha e é tida como verdadeira, gera conflitos entre as pessoas, cria expectativas infundadas, desmotivação, tensão entre colaboradores e gestores e acaba tirando o foco das pessoas do trabalho para o objeto da fofoca, causando enormes prejuízos para a empresa. Mas a fofoca para prosperar precisa de solo fértil e a sua empresa pode dificultar bastante as condições tornando o terreno bem árido para a sua sobrevivência. As três pontas da fofoca:

1 – O fofoqueiro em um curto espaço de tempo irá cair no descrédito e não tem a noção no médio e longo prazo nos efeitos e prejuízos causados para a carreira para a carreira dele (depois de um tempo será visto como mentiroso);

2 – Quem ouve a fofoca deve lembrar que: (quem faz fofoca para você faz fofoca de você).

As Três Peneiras de Sócrates:

Um homem foi ao encontro de Sócrates levando ao filósofo uma informação que julgava de seu interesse:

– Quero contar-te uma coisa a respeito de um amigo teu!

– Espera um momento – disse Sócrates – Antes de contar-me, quero saber se fizeste passar essa informação pelas três peneiras.

– Três peneiras? Que queres dizer?

– Vamos peneirar aquilo que quer me dizer. Devemos sempre usar as três peneiras. Se não as conheces, presta bem atenção. A primeira é a peneira da VERDADE. Tens certeza de que isso que queres dizer-me é verdade?

– Bem, foi o que ouvi outros contarem. Não sei exatamente se é verdade.

– A segunda peneira é a da BONDADE. Com certeza, deves ter passado a informação pela peneira da bondade. Ou não?

Envergonhado, o homem respondeu:

– Devo confessar que não.

– A terceira peneira é a da UTILIDADE. Pensaste bem se é útil o que vieste falar a respeito do meu amigo?

– Útil? Na verdade, não.

– Então, disse-lhe o sábio, se o que queres contar-me não é verdadeiro, nem bom, nem útil, então é melhor que o guardes apenas para ti.

Marcos Cantarani